quarta-feira, 9 de maio de 2012

SEMANA PATRIMONIAL 2.009 - QUILOMBOLA PARAGUAI

Seguem abaixo, os poemas e as fotos relativas ao trabalho de pesquisa realizado pelos alunos do quinto ano/2009, do professor Gladiston de Araújo, Escola Municipal Euplínia Magalhães Barbosa, sobre o quilombola Paraguai.





SOU QUILOMBOLA, SIM SENHOR
                                           (Helias)

Paraguai, lugar onde tem vida...
Vida limpa e liberdade.
Onde lindas paisagens reais
Saltam feito luzes do peito da mãe
Com muitas histórias para contar.

Lá as águas caem de rochedos
E as montanhas são moldadas pela natureza.
E tudo que toca a terra verdadeira,
Torna-se história a ser lembrada
Pelos séculos de Minas inteira!

Se um dia, o Paraguai viesse a sumir,
Como o sal dissolvido na água:
O Brasil gelaria...
O Brasil pararia...
O Brasil jamais o esqueceria!

 
PARAGUAI
   (Willian )

O Paraguai é uma comunidade
Entre eles há muita solidariedade
Tudo que é dividido entre eles
Eles dividem em igualdade!
 
O Paraguai é um Quilombola
Dos tempos de uma guerra
Caçadores disparavam nos macacos
E nos gritos se ouvia: “Guerra do Paraguai!”
 
O Paraguai é uma comunidade
Tudo é dividido em igualdade
Eles têm simplicidade
E muita solidariedade!


QUILOMBOLA PARAGUAI

 (YANDRA)

O que é ser um quilombola?
É ser pessoa livre
E conquistar cidadania!

Seu nome é Paraguai
E lá se tornou um quilombo
Um lugar em busca de paz!

Terra de pessoas gentis
Comunidade de gente atenciosa
Um verdadeiro quilombola!

Quando eu vim embora
Fiquei com saudade do povo
Do quilombo e de suas histórias!


COMUNIDADE PARAGUAI
                              (Geise)

As pessoas do Paraguai
É gente da raça negra
Que admira sua cultura
E que adora receber turistas!

Nós fomos ao Paraguai
De lá, gostei muito
As pessoas são boas
E o guia maravilhoso!
 
O maior sonho daquele povo
É reconquistar as suas terras
Ter direitos iguais
E não ser discriminado!
 
Os bichos mais bonitos
Nas terras do Paraguai eu vi
Vi também gente educada,
Bonita e camarada!



O PARAGUAI
                                            (Maíra)

Os primeiros moradores chegaram
Durante a Guerra do Paraguai
Eles vieram fugindo da escravidão
Do Serro, Minas Novas e Diamantina.

O nome Paraguai
Veio da caça aos muitos macacos
Que viviam na região
“É a Guerra do Paraguai!”

Hoje, se sustentam da agricultura
Fazem roças de milho, mandioca e arroz
Plantam feijão e cuidam da criação.
Tudo isso sem queimar o chão.


PARAGUAI 
     (Kellen)

Paraguai...
Sem querer
Descobri uma comunidade
Sem preconceito racial! 
 
Paraguai...
Olho você e sigo você
Sabe por quê?
Porque adoro você! 
 
Paraguai...
És linda como o mar
Infinita como o céu
És o quilombola da liberdade!


QUILOMBOLA PARAGUAI
                                            (Ana Paula)

Na região tinha muitos macacos
E os moradores os caçavam
Durante as caçadas
Muitos tiros disparados:
“Guerra do Paraguai!!!”

E assim, a Comunidade foi chamada...

 
PARAGUAI, TERRA GENTIL!
                               (Kleyton)

O Paraguai é uma comunidade
Que vive uma sociedade gentil

Lugar de gente que vive a solidariedade
Pois lá é lugar de felicidade

Paraguai...
Quilombola: terra dos macacos

Tiros disparados!
“Guerra do Paraguai!”


PARAGUAI
  (João Júnior)

O Paraguai é lindo
Uma comunidade quilombola
De povo comum e simples
De bom gosto e muito humor
Povo curioso e cheio de amor

Povo do Paraguai
Gente amada e trabalhadora
Terra singela, de muitos pássaros
Terra de povo belo!

Povo de muitos sonhos...
Povo de muitas festas!
Onde a união da comunidade
Busca sempre a igualdade!



O QUILOMBOLA DO POVO
(Letícia)

A fome rondava a região
Os moradores viviam do coração

Na época estava acontecendo uma guerra
E muita gente estava morrendo...

Vida de escravidão
Tanto trabalho colhendo feijão!

Escravos na agricultura
Escravos em fuga...

Escola boa
Água que corre à toa!

Discriminação do passado
Filhos da comunidade!

Paraguai nota 1.000
Povo bom e gentil!!!


ARQUIVO DE FOTOS DO TRABALHO DE CAMPO, DAS OFICINAS E DA REALIZAÇÃO DA SEMANA PATRIMONIAL 2009 
 
A VIAGEM
    
CONVERSANDO COM O PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DO QUILOMBOLA 




A CAMINHO DO ROÇADO
TRABALHO EM MUTIRÃO - ROÇA COMUNITÁRIA
COM AS MÃOS NA ENXADA
FOTO OFICIAL - OIA EU AÍ!!!
CAPELA DE SANTO ANTÔNIO - UM DOS MARCOS DA FUNDAÇÃO DO QUILOMBOLA
ALTAR QUE GUARDA RELÍQUIAS DO TEMPO DA FUNDAÇÃO
HORA DO LANCHE
RESENHA DO MATERIAL COLETADO NO QUILOMBOLA
PRODUZINDO O POEMA
ENSAIANDO O CORAL PARA A CULMINÂNCIA DA SEMANA PATRIMONIAL
COMUNIDADE ESCOLAR FELISBURGUENSE REUNIDA PARA A CULMINÂNCIA DA SEMANA PATRIMONIAL
GLADISTON DE ARAÚJO - MESTRE DE CERIMÔNIA
APRESENTAÇÃO DO CORAL - ALUNOS DE GLADISTON - QUINTO ANO - ESCOLA MUNICIPAL EUPLÍNIA MAGALHÃES BARBOSA
ALUNA ELIZÂNGELA RECEBENDO O TROFEU PELO TRABALHO REALIZADO NA TURMA DE QUINTO ANO, SALA DE GLADISTON DE ARAÚJO, ESCOLA MUNICIPAL EUPLÍNIA MAGALHÃES BARBOSA. ELA RECEBEU O TROFEU DAS MÃOS DE ILDÊNIA, CONSELHEIRA TUTELAR
A SEMANA PATRIMONIAL FOI UM SUCESSO...

Nenhum comentário:

Postar um comentário